Para aqui vêm coisas que me apeteçam e que não me apeteçam também. O que achar que deva pôr, ponho! :)

26 abril 2007

Vá, vamos jogar a outra coisa

Olho para todos os lados e não vos vejo. Sei que andam por aí, só não sei onde, ou pelo menos não vos consigo distinguir no cenário que me rodeia. Dei-vos tempo demais para se esconderem e vocês aproveitaram para se esconderem mesmo muito bem. Rebenta a bolha! Podem aparecer! Era tão mais giro quando isto era o suficiente para vos voltar a ver. Agora não vale a pena mandar tais berros. Vocês não me ouvem e mesmo que oiçam já não estão aqui à distância de um pulinho. Sinto a vossa falta, tenho saudades e estou farto deste jogo das escondidas. Vá, apareçam! Vamos jogar a outro jogo qualquer mais divertido.

Um comentário:

Claudia disse...

Eu estou à distância de um telefonema, como já viste!! Egoístamente, sabe bem ver que tens saudades nossas, de nós todos, de tudo o que era nosso e que fizemos e vivemos e desenhámos e escrevemos! É sinal que afinal a distância não apaga nada... Já disse e volto a dizer que por aqui a minha casa é tua e terás sempre as portas abertas para vires e ficares e matares saudades de todos que por aqui viemos calhar. Agora, aquando da vinda de mais um de nós para Lisboa, mais uma vez pensei que faltas cá tu... Porque fazes-me falta mesmo. E com todos cá já só me faltas mesmo tu (egoístamente, mais uma vez). Acredito que ainda aqui venhas parar mas quero muito que acabes esta tua fase porque sempre acreditei que o farias e será um dia de grande orgulho para mim! Digno de uma valente comemoração ;) acredito em ti e sei que vais conseguir. Como te disse, estás numa altura muito complicada em que tudo parece mais longe que nunca e mais inatingível que alguma vez pensaste. MAS NÃO! Acredita que não! E para miminhos e colo, estamos cá todos e eu sempre de braços abertos para te abraçar. Até dia 12 na bela da SA! Porque há tradições que não se apagam!

Arquivo do blog

Pessoas que querem o meu autógrafo... algures!!! :p

Sitemeter